Somebody save me!

23 fev

Para dar continuidade a serie de indicações aqui, lá vai uma dica de o que fazer as 9 horas da noite durante a semana.Eu comecei tímida , aos domingos , no horário de almoço,meio dia no prego durante uns dois ou mais anos eu parava a minha vida por completo e eu lembro que por motivos que eu desconheço as pessoas adoravam me ligar aos montes nessa época e eu despachava na classe ou sem ela mas não atendia o papa nem Jeová.

De repente quando vi ,a  família toda estava adorando também com exceção do matriarca com suas colocações do tipo “mas isso não faz nenhum sentido!!!” ou com ” é tudo ketchup”

Um pulo e lá estava eu virando R$ 129,90 pra pegar a primeira temporada nas americanas.

A paixão não veio apenas pela atração pelos personagens HQ, eu nunca soube explicar direito o porque eu gosto tanto de Smallville mas lá vai …

Os heróis por si só são atraentes, tenho paixão platônica por grande parte deles, mas a história com o Clarck é diferente, o Parker tem seu encanto e também é pacato, o Wayne também é super na dele… A diferença está no personagem que construíram do Clarck, que mostra desde a adolescência dele e a formação do caráter do homem que ele iria ser.Tudo que é natural e corriqueiro na vida de alguém da “nossa idade” sob um ponto de vista bem real e bem profundo como a vida deve ser apesar de ser ficção.

O relacionamento com os pais, a forma com que os honra e obedece mesmo quando estavam exagerando demais, protegendo demais, enganados demais e estava sempre ali. Tomando decisões  muito além da maturidade que tinha e trazendo orgulho aos dois mesmo que fosse anulando se a si mesmo e ferindo a sua ética de tentar “ser normal” sempre um cara reto… Sempre puro, se preocupando com aquilo que as pessoas nem notavam, adepto dos poucos amigos e com pouquíssimo interesse pelas idiotices de adolescentes.

O teor das conversas e a linha que seguem os diálogos fazem a gente respirar aliviados na certeza de que se existem pessoas atrás de uma mesa bolando tudo aquilo é porque esse tipo de pessoa também existe e mesmo me sentindo a louca de admirar um personagem que nem existe dá um quentinho no coração de pensar que tem gente assim por ai .Que sempre que se sentem decepcionados com a vida simulam uma superação ,gente que da o sangue pelas outras pessoas, que engole sapo a rodo enquanto eu como sempre com a minha boca grande reclamando da humanidade sem achar ninguém digno e ninguém bom.Eu fico por aqui .. e volto depois pra falar mais de smallville  para aqueles que não gostam de perder preciosos segundo tentando assistir alguma serie legal e se deparam com uma perua em tédio resolvendo beijar uma perua amiga e depois dando um tiro no namorado que super digno e resignado resolve não contar pra ninguém(THE O.C) … ah me da folga !!

O de hoje não lembro qual vai ser mas acho que é ele mais uma vez tentando entrar pro time de futebol da escola e estendendo a mãos primeiras vezes ao lex ..mesmo com a dublagem deixando pelo caminho grande parte das profundidades das cenas eu não arredo pé…

Até as 9 …

See y’a !!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: